Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Quinta, 18 de Janeiro de 2018

 

30/07/2012

Banco Mundial oferece ajuda por alta de alimentos

Seca nos Estados Unidos e Rússia e excesso de umidade na Europa criam horizonte sombrio para a safra de grãos deste ano

Secretário da Agricultura dos Estados Unidos, Tom Vilsack em reunião do Conselho da Casa Branca Rural, em Washington, DC

"Não podemos permitir que as altas nos preços dos alimentos em curto prazo causem consequências ruins de longo prazo para os mais pobres e vulneráveis do mundo", disse o presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, em nota distribuída hoje. A nota informa que o Banco está pronto para ajudar os governos a enfrentar a alta nos preços dos grãos, que novamente aumenta os riscos de fome no mundo. "O Banco Mundial e nossos parceiros estão monitorando esta situação de perto para podermos ajudar os governos a colocarem em prática políticas que ajudem as pessoas a lidar com isso", disse Kim. As razões para este pronunciamento de Kim estão em problemas provocados pelo clima nos quatro cantos do planeta. Nos Estados Unidos a seca – que está sendo considerada a pior dos últimos 58 anos – destruiu 90% das culturas de soja e milho; na Rússia, Ucrânia e Czaquistão a falta de chuva também afetou a lavoura: destruiu 50% do trigo e 45% do milho. Na Europa a safra está prejudicada pela umidade excessiva e na Índia, as monções (chuvas) começaram com volume abaixo da média. As altas nos preços da soja, que também afetam a produção de carne, chegam a 30% nos últimos dois meses e quase 60% desde o fim do ano passado. Os programas do banco para ajudar os governos citados por Kim incluem aconselhamento político, investimentos em agricultura e áreas relacionadas, financiamentos rápidos, produtos de gerenciamento de risco e trabalho em conjunto com a ONU e grupos voluntários privados. Embora os executivos do Banco não admitam a proximidade de uma grande escassez de grãos em virtude das quebras de safra deste ano, alertam para a existência de problemas em todos os produtos, o que pode levar o mundo a enfrentar problemas mais sérios do que os de 2008, quando houve quebra de safra de arroz e trigo apenas.


Crédito/fotos: Divulgação/ United States Department of Agriculture


Legenda: Capa - Vista aérea da fazenda Colorado, 74 quilômetros a leste de Denver/Colorado



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
03/10/2015 -   O mundo é Azul
03/10/2015 -   O caminho da diferença
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
03/10/2015 -   De olho no mundo
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   Hungry and with a big appetite
29/09/2015 -   A bigger share, please?
29/09/2015 -   Passage to India
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados