Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Quarta, 15 de Agosto de 2018

 

16/08/2011

Missão Empresarial à América do Sul levará empresas brasileiras a três países

Com 43 empresas, as rodadas de negócios vão acontecer nas cidades de Bogotá, Lima e Santiago


Organizada pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), a Missão Empresarial do Brasil à América do Sul está marcada para o período de 22 a 30 de agosto. Com a participação de 43 empresas brasileiras dos setores de máquinas e equipamentos, casa e construção, moda e saúde, as rodadas de negócios vão acontecer nas cidades de Bogotá, Lima e Santiago. Em Lima, haverá uma rodada exclusiva para compradores de outros países - Bolívia, Equador e Venezuela.

"A Missão Empresarial à América do Sul é mais uma etapa do esforço de articulação intragovernamental com o setor produtivo nacional para fortalecer as exportações brasileiras. Além de buscar o aumento das vendas externas, essa missão empresarial transmite o nosso compromisso de promover a integração econômica e o aumento do investimento direto mútuo, estabelecendo um quadro para o desenvolvimento de parcerias sólidas", disse o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel.

"Essa Missão é uma oportunidade para estreitar ainda mais as relações historicamente importantes com nossos vizinhos da América do Sul. A integração econômica entre os países da região deve se fortalecer nos próximos anos e a sinergia de oportunidades levará, certamente, a consideráveis taxas de crescimento inclusivo e qualitativo", disse o presidente da Apex-Brasil, Mauricio Borges.

A América do Sul é o terceiro destino das exportações brasileiras. Dos US$ 202 bilhões exportados pelo Brasil em 2010, 18,4% (US$ 37,2 bilhões) foram para a América do Sul, com mais de 60% em produtos de maior valor agregado, como: automóveis e ônibus, peças para veículos, máquinas e equipamentos, aparelhos de telefonia e produtos farmacêuticos.

O Chile é o segundo destino mais importante das vendas externas do Brasil na América do Sul, tendo sido responsável por 11,5% das exportações em 2010, ficando atrás apenas da Argentina. Em 2010, a corrente de comércio entre Brasil e Chile foi de US$ 8,4 bilhões, com uma situação de equilíbrio, em que as exportações brasileiras ficaram em US$ 4,3 bilhões e as importações em US$ 4,1 bilhões. Entre os principais produtos exportados ao Chile, estão óleos brutos de petróleo, veículos e suas partes, carne bovina e café. Entre os produtos importados, estão cobre e seus derivados, salmão, metanol, uvas e vinhos.

Já a Colômbia figura como o quinto principal destino das exportações brasileiras na região, com 5,9% do total registrado em 2010, quando a corrente de comércio entre Brasil e Colômbia ficou em US$ 3,2 bilhões – exportações brasileiras de US$ 2,2 bilhões e importações de US$ 1 bilhão. Entre os principais produtos exportados do Brasil para a Colômbia, estão propileno, milho, alumínio, automóveis, motores e açúcar. Entre os produtos importados, estão derivados de carvão, pneus e lâminas de ferro.

A participação do Peru nas exportações brasileiras para a América do Sul cresceu de 3,2% em 2000 para 5,5% em 2010, levando o país de oitavo para sexto principal destino das vendas brasileiras na região. O Brasil é o terceiro país de origem das importações peruanas, depois de Estados Unidos e China. Em 2010, a corrente de comércio entre Brasil e Peru foi de US$ 2,9 bilhões - as exportações brasileiras totalizaram US$ 2 bilhões e as importações US$ 908 milhões. Entre os principais produtos exportados ao Peru, estão óleos brutos de petróleo, tubos e produtos de ferro, chassis e motores para veículos e polipropileno. Entre os produtos importados do Peru, destacam-se minerais e seus derivados (cobre, zinco, prata, etc.).



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
31/03/2016 -   Em 15 anos, a Votorantim e a Intercement chegaram ao grupo dos 20 maiores produtores do mundo
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   O caminho da diferença
03/10/2015 -   O mundo é Azul
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
03/10/2015 -   De olho no mundo
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   Passage to India
29/09/2015 -   A bigger share, please?
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados