Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Domingo, 21 de Janeiro de 2018

 

16/12/2010

Mercosul quer adotar mecanismos para proteger investimentos

O instrumento deve contemplar acesso aos mercados do Brasil, Uruguai, Paraguai e da Argentina de tratamento nacional e de situações de proteção

O Mercosul quer adotar um mecanismo para proteger investimentos no bloco econômico. O anúncio foi feito pelo ministro das Relações Exteriores Celso Amorim, após participar de uma reunião do Conselho do Mercado Comum em Foz do Iguaçu.

Segundo o ministro, o mecanismo deve contemplar o acesso aos mercados do Brasil, Uruguai, Paraguai e da Argentina de tratamento nacional e de situações de proteção, respeitando-se as normas constitucionais de cada um dos países.

"O que acordamos aqui é a decisão de ter um processo negociado que envolva a proteção de investimentos. Esse é assunto muito importante e delicado para o Brasil porque, no passado, os acordos de proteção de investimentos foram retirados do Congresso brasileiro", explicou à Agência Brasil o embaixador e subsecretário-geral para a América Latina e o Caribe do Ministério das Relações Exteriores, Antônio Simões.

De acordo com Simões, o Brasil não tem, ainda, nenhum acordo de proteção de investimentos com outros países.

Com informações da Agência Brasil



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
03/10/2015 -   De olho no mundo
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
03/10/2015 -   O mundo é Azul
03/10/2015 -   O caminho da diferença
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   Hungry and with a big appetite
29/09/2015 -   A bigger share, please?
29/09/2015 -   Passage to India
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados