Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Quarta, 22 de Novembro de 2017

 

Dez 2008/Jan 2009

Hora de comprar

A Stefanini mira nas competidoras lá fora para crescer

O furacão da crise e a subida do dólar obrigaram a Stefanini IT Solutions a reavaliar a compra de duas concorrentes estrangeiras em 2008, mas a estratégia da empresa para 2009 continua a ser a de se expandir no mercado internacional por meio de aquisições.

"Tivemos de ser cautelosos, comprar ficou mais arriscado e mais complexo do que imaginávamos", explica Marco Stefanini, o fundador e presidente da consultoria em serviços de tecnologia da informação. Mas a busca por empresas lá fora continua em 2009, com atenção especial aos mercados do México, Estados Unidos e Europa.

A Stefanini entrou em 2008 no clube das empresas mais internacionalizadas do Brasil, compilado pela Fundação Dom Cabral, de Minas Gerais. Ficou com o 21º posto no Índice de Transnacionalidade da FDC, que mede o percentual de vendas, ativos e pessoal da empresa no exterior. Mas aparece no 6º posto quando o critério é o número de países em que opera no exterior - são 15, o que a deixa à frente de grandes construtoras e de indústrias conhecidas pelo espírito globe-trotter, como a Sabó e a Marcopolo.



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
03/10/2015 -   O mundo é Azul
03/10/2015 -   O caminho da diferença
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
03/10/2015 -   De olho no mundo
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   A bigger share, please?
29/09/2015 -   Passage to India
29/09/2015 -   Hungry and with a big appetite
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados