Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Segunda, 28 de Maio de 2018

 

Dez 2008/Jan 2009

Emergentes mal na foto

Transnacionais brasileiras ficam em 17º lugar entre 22 países em ranking
internacional de honestidade

Empatadas com as italianas, menos honestas do que as empresas de países mais ricos e mais limpas do que as dos outros BRICs. É assim que as empresas brasileiras aparecem no Índice das Pagadoras de Suborno de 2008 (em inglês ou em espanhol), compilado pela Transparência Internacional. A ONG perguntou a 2.742 executivos quais os países cujas empresas multinacionais tinham mais propensão a pagar subornos para ganhar contratos no exterior. O ranking resultante tem 22 países, e o Brasil entra, ao lado da Itália, no 17º posto. Em primeiro, as mais limpas, estão as empresas da Bélgica e do Canadá. No fundão, as russas. A China, o México e a Índia aparecem entre as russas e as brasileiras.



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
31/03/2016 -   Em 15 anos, a Votorantim e a Intercement chegaram ao grupo dos 20 maiores produtores do mundo
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   O caminho da diferença
03/10/2015 -   O mundo é Azul
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
03/10/2015 -   De olho no mundo
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   Passage to India
29/09/2015 -   A bigger share, please?
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados