Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Sexta, 24 de Novembro de 2017

 

23/08/2012

Governo lança plano para disseminar a cultura exportadora pelos Estados

Durante cerimônia de lançamento, em Brasília, Pimentel disse que falta ao Bradsil uma pauta de exportação compatível com o século 21

Pimentel lançou o plano em reunião do Consedic

Pimentel lançou o Plano Nacional da Cultura Exportadora hoje, durante reunião do Conselho Nacional de Secretários de Desenvolvimento Econômico (Consedic). Seu discurso questiona a pauta brasileira de exportação, centrada em commodities agrícolas e manufaturados de trabalho intensivo.  “Os países desenvolvidos tem uma pauta de produtos de capital intensivo e de alto valor agregado, com aplicação de tecnologia e inovação. Essa é a pauta do século 21 e essa é a mudança que temos de implementar na economia brasileira”, analisou.


O Plano, coordenado pela secretária de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Tatiana Lacerda Prazeres, vai coordenar e promover ações de desenvolvimento e difusão da cultura exportadora nas Unidades da Federação. “Atualmente, 14 estados brasileiros exportam, individualmente, menos de 1% do total comercializado pelo país no mercado exterio”, conta Tatiana. O Plano foi criado para aumentar a base. São cinco eixos de atuação: cultura exportadora; inteligência comercial e competitiva; ambiente de negócios; diversificação e qualificação da pauta exportadora; e promoção comercial.


Os governos de 14 estados elaboraram Mapas Estratégicos e oito, Planos de Ação  de Comércio Exterior. Para cada estado, foram selecionados setores estratégicos para o comércio exterior com definição das respectivas ações e atividades. Veja quais são:


Mapas Estratégicos (com muitas empresas exportadoras): Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, e o Rio de Janeiro, em fase de inclusão.


Planos de Ação (com número reduzido de empresas exportadoras): Acre, Alagoas, Amapá, Paraíba, Rondônia, Roraima, Sergipe e Tocantins.


O MDIC é o executor e conta com a parceria das seguintes instituições: Apex-Brasil, Agência Brasileira do Desenvolvimento Industrial (ABDI), Banco da Amazônia, Banco do Brasil, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Caixa Econômica Federal, Confederação Nacional da Indústria (CNI), Correios, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Ministério das Relações Exteriores (MRE), Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Sebrae, Senac, Senai e Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa).


Para baixar o plano, clique aqui


Fonte: MDic
Crédito/fotos: Ascom/MDic



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
03/10/2015 -   De olho no mundo
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
03/10/2015 -   O mundo é Azul
03/10/2015 -   O caminho da diferença
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   Hungry and with a big appetite
29/09/2015 -   A bigger share, please?
29/09/2015 -   Passage to India
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados